Água de meninos - Duan Kissonde

Água de meninos - Duan Kissonde

R$ 35,00
. Comprar  
Frete grátis!

Título: Água de meninos
Autor: Duan Kissonde
Gênero: Poesia
Prefácio: Ronald Augusto
Arte da capa: Santiago Pooter
Ano de publicação: 2020
Dimensões: 12,5 x 18 cm
ISBN: 978-65-991037-1-1


Água de meninos é o livro de estreia do poeta porto-alegrense Duan Kissonde. O título faz referência à região de mesmo nome na cidade de Salvador, Bahia. Água de Meninos foi palco dos combates de 25 de janeiro de 1835, data conhecida como Revolta ou Levante dos Malês, a maior insurreição urbana de escravizados das Américas.

A morte de sua avó, também poeta, em 2014, foi o marco central para a construção do livro. Duan procura uma reescrita da história com H maiúsculo, resgata sua memória afetiva e constrói uma espécie de árvore genealógica poética. 

A obra é dividida em duas partes. A primeira, "Pemba", reúne poemas escritos entre 2014 e 2016. A segunda, "Cupópias", apresenta a produção mais recente do poeta, escrita de 2016 a 2018. Duan Kissonde trança seus poemas com o imaginário Bantu e Nagô e resgata a herança dessas culturas no palavreado brasileiro. Pemba é um pó ritualístico utilizado nos rituais de matriz africana e também significa giz. Cupópia é um dialeto de origem Bantu falado no quilombo do Cafundó, no interior de São Paulo. O resultado desta publicação que chega às leitoras e aos leitores é um livro que nos permite mergulhar com profundidade na mitologia pessoal do poeta, mas que também nos faz revisitar a nossa própria história.

Sobre o autor
Duan Kissonde nasceu em Porto Alegre, em 1993. É poeta, graduando em História pela UFRGS, bolsista CNPq e pesquisador das territorialidades negras em Porto Alegre. Publicou seus poemas em diversas revistas brasileiras e participou das antologias "Pretessência" (2016), "Antologia Literária Jovem Afro" (2017), "Cadernos Negros vol. 41" (2018) e "Coletânea Ancestralidades" (2019).